Gabinete de Intervenção Sistémica – (GIS)

O GIS é um serviço de extensão comunitária, integrado no Instituto Superior Miguel Torga (ISMT) onde são desenvolvidas as seguintes atividades com base no modelo sistémico: 1. Intervenções Terapêuticas; 2. Formação no Modelo Sistémico e; 3. Investigação.  Neste sentido, o GIS desenvolve as seguintes atividades clínicas: terapia individual sistémica, terapia de casal, terapia familiar, terapia do divórcio e terapia multifamiliar; desenvolvimento de competências parentais; intervenção em rede e comunitária avaliação e peritagens (por solicitação do Tribunal e CPCJ).

Equipa

Coordenação:

Professora Doutora Joana Sequeira.

Professora Auxiliar do Instituto Superior Miguel Torga. Psicóloga Clínica, Terapeuta Familiar, de Casal e Interventora Sistémica, Membro efetivo da OPP, Docente Supervisora da Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar.
Colaboradores Internos:
  • Professora Doutora Inês Pimentel. Professora Auxiliar Convidada do Instituto Superior Miguel Torga. Psicóloga Clínica, Terapeuta Familiar, de Casal e Interventora Sistémica, Membro Efetivo da OPP, Docente Formadora da SPTF.
  • Professora Doutora Sónia Guadalupe. Professora Auxiliar do Instituto Superior Miguel Torga. Assistente Social. Terapeuta Familiar, de Casal e Interventora Sistémica.
  • Mestre Joana Carvalho. Professora Auxiliar Convidada do Instituto Superior Miguel Torga. Psicóloga Clínica, Membro Efetivo da OPP. Psicodramatista. Terapeuta Familiar, de Casal e Interventora Sistémica. Frequenta o curso de Doutoramento Interuniversitário em Psicologia da Família da Universidade de Lisboa e de Coimbra.
  • Mestre Mariana Couceiro. Professora Assistente Convidada do Instituto Superior Miguel Torga. Psicóloga Clínica com especialização em Terapias Familiares e Sistémicas, Membro Efetivo da OPP.
  • Mestre Tiago Santos. Psicólogo Clínico com especialização em Terapias Familiares e Sistémicas, Membro Estagiário da OPP.

 

Colaboradores Externos:
  • Licenciada Marta Pimentel. Psicóloga Clínica, Membro Efetivo da OPP. Terapeuta Familiar, de Casal e Interventora Sistémica.
  • Mestre Gabriela Fonseca. Psicóloga Clínica, Membro Efetivo da OPP. Terapeuta Familiar, de Casal e Interventora Sistémica. Frequenta o curso de Doutoramento Interuniversitário em Psicologia da Família da Universidade de Lisboa e de Coimbra

Atividades Desenvolvidas

1) Atividades Clínicas

 

Terapia Individual Sistémica

A Terapia Individual Sistémica tem como objetivo promover a compreensão do funcionamento do sujeito bem como mudanças no seu funcionamento e na relação com os outros, no contexto dos sistemas familiares nucleares, parentais (alargado) e sociais. Implica a compreensão do seu papel na família, a compreensão dos padrões de funcionamento familiar e o ajustamento entre comportamentos, interações e narrativas familiares. A metodologia de funcionamento desta intervenção processa-se através de encontros regulares com uma frequência, usualmente, quinzenal.

 

Terapia de Casal

A Terapia de Casal é uma intervenção dirigida ao “Nós” do casal, ou seja, à relação. Implica motivação e envolvimento dos dois elementos para a intervenção. O objetivo da Terapia de Casal é trabalhar as dificuldades que se vivem na conjugalidade, permitindo a sua expressão e gestão, e o ajustamento/mudança dos padrões de funcionamento considerados desajustados ou que provocam sofrimento (e.g. conflitualidade elevada, distanciamento, ciúmes, etc.).

Terapia do Divórcio

A Terapia do Divórcio está indicada para situações de separação/ divórcio onde se verifica a necessidade e o desejo de resolução dos conflitos, promovendo uma separação funcional. Esta intervenção visa a promoção da coparentalidade colaborativa face aos filhos.

Terapia Familiar

A Terapia Familiar é uma terapia realizada com a família e desenvolve-se quando a família considera que as suas dificuldades, ou de um dos seus elementos, interferem na dinâmica entre as pessoas que vivem juntas ou, também, quando o envolvimento da família é relevante na resolução das dificuldades em causa. Esta intervenção pretende reduzir a disfunção da família, adequar as relações estabelecidas entre os elementos que mantêm dificuldades, transformar a visão familiar sobre as dificuldades, ampliar as potencialidades da família na resolução de problemas e nas situações de crise, promovendo mudanças a longo prazo. Processa-se através de encontros regulares com um ou dois terapeutas (co-terapia), com uma frequência quinzenal a mensal.

Avaliação e Peritagens para o Tribunal (incumprimento das responsabilidades parentais)

O GIS recebe pedidos remetidos pelos tribunais, para avaliação/peritagem e intervenção terapêutica com famílias em situação de litígio e /ou perigo face aos filhos. Estas situações referem-se a processos de incumprimento das responsabilidades parentais, condutas parentais suscetíveis de colocar os filhos em risco e situações de elevada conflitualidade parental (situação de divórcio).

Intervenção Terapêutica com Clientes Mandatados (EMAT e CPCJ)

No âmbito das situações consideradas de risco e perigo, o GIS tem recebido casos encaminhados por várias entidades – Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) e Equipas de Menores de Apoio aos Tribunais (EMAT) para que sejam desenvolvidas intervenções no sentido da resolução dos fatores de risco ou perigo em que as famílias se encontram.

2) Formação – Supervisão Clínica

 

A supervisão clínica é uma prática regular e indispensável no desenvolvimento das terapias sistémicas. Nestas supervisões são debatidos os pedidos de atendimento e os casos clínicos em seguimento e é feita uma avaliação do desenvolvimento do processo, da aplicação de técnicas e estratégias de intervenção, da concretização dos objetivos e do contrato terapêutico e são sugeridas intervenções para a situação em causa. Nas situações dos terapeutas em formação é ainda feita a preparação das sessões seguintes a realizar pelo terapeuta (objetivos e técnicas a desenvolver).

3) Investigação

 

O GIS tem vindo a desenvolver investigação no âmbito da avaliação do processo terapêutico com as famílias em seguimento. Esta investigação tem como objetivo fundamental avaliar a evolução da terapia em dimensões específicas do funcionamento da família/casal. A avaliação implica também a análise das sessões do processo terapêutico relativamente às dimensões de mudança narrativa através do SAMN (Sequeira & Alarcão, 2012). Pretende-se com esta investigação estudar os fatores de mudança no processo terapêutico, bem como identificar os aspetos que bloqueiam a referida transformação e podem ajudar a explicar os insucessos terapêuticos.

Honorários

Editar
Serviços disponibilizados Comunidade em geral
Terapia Individual Sistémica 45€*
Terapia de Casal 45€*
Terapia do Divórcio 45€*
Terapia Familiar 45€*
Terapia Multifamiliar 45€*
Desenvolvimento de Competências Parentais 45€*
Intervenção em Rede e Comunitária 45€*
Avaliação e Peritagens para o Tribunal 45€
Relatórios de avaliação/peritagem 250€

Nota: * 50% de desconto para a comunidade académica do ISMT

Localização

Rua Bernardo de Albuquerque, nº6, R/C Esquerdo, 3000-070 Coimbra. (6H7P+GW Coimbra).

 

Contactos

Tel: (+351) 239 488 030
E-mail: gis@ismt.pt
Página de Facebook: GIS